Prevenção: a melhor forma de manter a sua saúde

Redação IJOMA

Macapá, 25 de Julho de 2020


Quando fica doente, você põe o seu corpo nas mãos do sistema de saúde, que salva vidas – mas também pode deixar algumas pessoas mais doentes. Pense nos efeitos colaterais provocados por tomar vários medicamentos simultaneamente e nos perigos associados à permanência no hospital, sem falar nas despesas e no desconforto de tudo isso. Asim, escolha a prevenção.


Para muitas pessoas, tomar remédios faz parte da rotina diária, assim como escovar os dentes. As drogas podem salvar vidas, claro. Algumas, como a aspirina e as estatinas para baixar o colesterol, podem até ser parte do seu plano de prevenção de doenças. No entanto, praticamente todas as drogas, mesmo as aparentemente benignas, provocam efeitos colaterais indesejados.

Um exemplo são os remédios para hipertensão arterial, mal que aflige cerca de um bilhão de pessoas em todo o mundo. Apenas um terço dos pacientes que tomam anti-hipertensivos consegue trazer a pressão arterial para uma zona segura. Um motivo bem documentado: muitos pacientes simplesmente param de tomar os medicamentos.

Alguns não têm dinheiro para comprá- los, outros não toleram os efeitos colaterais, que podem ser tosse seca, inchaço nas pernas, disfunção erétil, dor de cabeça, tontura, fadiga, náuseas, vômito, entre outros. Um estudo revelou que quase 70% dos pacientes que tomavam anti-hipertensivos do tipo bloqueadores dos canais de cálcio apresentaram efeitos colaterais desagradáveis.

Por que não tomar medidas agora para evitar a hipertensão arterial e essa situação difícil?

Às vezes, o remédio que tomamos não faz efeito. Uma análise realizada em 2008 não comprovou que os antidepressivos fluoxetina e paroxetina oferecem algum benefício aos pacientes com depressão moderada. Outro estudo recente demonstrou que a ezetimiba, medicação prescrita para baixar o colesterol, não mantém as artérias livres das placas que provocam parada cardíaca.


Enquanto isso, exercício, vida pessoal feliz e alimentação saudável podem ajudar a prevenir tanto a depressão quanto o colesterol alto.

Efeitos adversos

Os remédios também podem ter um efeito mais dramático. Dados da FDA (órgão que regula a comercialização de medicamentos e alimentos nos Estados Unidos) mostram que o número de pessoas que morrem em virtude de efeitos adversos de tratamento medicamentoso subiu 2,7 vezes no período estudado (de 1998 a 2005).

E se você ficar doente e for parar no hospital? Talvez você já tenha ouvido a piada: hospital não é lugar para gente doente. Só que não é uma piada. Nos Estados Unidos, estima-se que os erros médicos sejam a terceira maior causa de morte. Quase 800 mil pacientes hospitalizados são prejudicados ou morrem apenas por reação adversa a medicamentos.

Muitos pacientes hospitalizados contraem uma ou mais infecções durante a permanência no hospital, e o risco de infecção hospitalar é cada vez maior. Infecção urinária é a mais comum, porém os centros médicos estão cada vez mais infectados por superbactérias, como MRSA (Staphylococcus aureus resistente à meticilina), o estafilococo que é resistente a antibióticos. Ele pode causar pneumonia e outras infecções, com grande risco de morte.

Como escolher a prevenção?

Essas breves obervações deveriam ser suficientes para fazer todo mundo, pelo menos:

1. parar de comer doces e frituras

2. ingerir muitas fibras

3. correr 10 minutos a mais por dia

E tomar outras medidas para manter a saúde – lembrando que essas mudanças evitam problemas realmente traumáticos, como infarto do miocárdio ou AVC (acidente vascular cerebral).

Você já deve ter percebido que é preciso repensar alguns hábitos para se manter saudável e longe de doenças. Então, confira algumas receitas saudáveis como inspiração para dar o primeiro passo!


Fonte:

https://www.selecoes.com.br/saude/prevencao-a-melhor-solucao-para-sua-saude/

0 visualização

asscom.ijoma@gmail.com

(96) 3222-5675 / (96) 99191-6270

CNPJ: 11.938.200/0001-06

Av. Dr. Silas Salgado, 3586 - Santa Rita. Macapá - AP, 68901-346.

Prazo de 10 dias para Entrega de Produtos

no Estado do Amapá.

INSTITUTO JOEL MAGALHÃES

Horário de Atendimento:

Segunda à Sexta: 8h às 12h - 14h às 18h

​​Sábado: 8h - 12h

©2019 Todos os direitos reservados. Criado por Fabrício Ferrari

  • Instagram ícone social
  • YouTube ícone social
  • Facebook ícone social
  • Twitter ícone social