Cooperativa conclui canal e monitora nível do rio para reforçar estrutura da barragem

A Cooperativa dos Garimpeiros do Lourenço (Coogal) concluiu na quarta-feira, 24, a primeira parte das obras emergenciais na barragem Labourier no garimpo do Lourenço, no município de Calçoene, a 360 km de Macapá. Conforme notificação da Agência Nacional de Mineração (ANM), o primeiro ponto era fazer um canal para diminuir a pressão da água no corpo da barragem para evitar um possível rompimento.

Agora, a Coogal aguarda baixar o nível da água para reforçar a estrutura com material rochoso e garantir a estabilização do barramento, que será a segunda parte das obras emergenciais. A terceira é a construção de uma nova barragem dentro das normas da Política Nacional de Segurança de Barragens.

Órgãos estaduais e federais iniciam novo planejamento para monitorar a segunda fase das obras emergenciais, assim como acompanharam a construção do canal. Foi preciso instalar uma régua às proximidades da borda para monitorar o nível da água.

“Temos que observar se a cooperativa está cumprindo os trabalhos conforme as normas exigidas pelos órgãos fiscalizadores”, informou o tenente-coronel BM Medeiros (Defesa Civil Estadual), coordenador da comitiva.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo