Aprendizagem

A Semed promoverá de 26 a 28 de março a IV Formação para Secretários e Auxiliares Escolares da Rede Municipal de Ensino. Abertura é nesta segunda-feira, 26, no auditório da Fecomércio.

Crianças Foi entregue nessa sexta-feira, 23, o parquinho do Projeto Recrear (Re)criando na Escola Municipal de Educação Infantil ‘Ana Luísa de Morais’, no Novo Buritizal, zona sul da cidade.

Pescado A Prefeitura de Macapá promoverá a Feira do Peixe Vivo no período de 27 a 29 de março. Serão comercializadas cinco toneladas de pescado ao preço de R$ 10 o quilo.

Benefício ICMBio, por meio da Floresta Nacional do Amapá, realizou neste mês o Intercâmbio de Agroecologia nas comunidades do Curicaca (Itaubal) e no distrito de Fazendinha (Macapá), beneficiando 19 agricultores familiares.

Cascudos Embrapa promoveu curso ‘Manejo nutricional e alimentar de quelônios de água doce em cativeiro”. Ministrantes foram as pesquisadoras Jamile Araújo e Eliane Yoshioka.

Prazo Governo do Amapá prorrogou até segunda-feira, 26, às 18h, a entrega de documentação para os jovens habilitados na terceira chamada do Programa Amapá Jovem.

Maneiras Com o intuito de incentivar hábitos saudáveis nos alunos da Escola ‘Visconde de Mauá’, o Programa Qualidade de Vida iniciou as ações de 2018 com palestra sobre higiene bucal e avaliação física.

Fiscalização Fiscais da Semduh estão, diariamente, nas ruas da capital, em fiscalização, verificando a situação das obras em andamento.

In loco Após abrir procedimento para apurar mais um óbito materno no Hospital da Mulher ‘Mãe Luzia’, ocorrido dia 8, a Promotoria de Defesa da Saúde fez diligência no local.

Rapidinhas

O Hospital da Mulher Mãe Luzia recebeu durante os dias 20 e 21 visita técnica de uma equipe de consultoras do Ministério da Saúde para orientar equipe de servidores a respeito das boas práticas relativas ao Método Canguru e ao cuidado neonatal .

O Método Canguru é uma abordagem humanizada e segura, onde é promovido o contato pele a pele (posição canguru) precoce entre mãe/pai e o bebê, de forma gradual e progressiva, favorecendo vínculo afetivo e estabilidade térmica, entre outros.

Existe comprovação científica que o método canguru diminui o tempo de internação da criança na unidade hospitalar e as chances de infecção hospitalar além de contribui para o controle e alívio da dor do bebê.

O HMML possui uma enfermaria específica para a prática do método e tem buscado junto ao MS a certificação como centro estadual do método.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo