Ana Alves de Oliveira, 83 anos, lança ‘Meus momentos de inspiração’

A doce e inteligente pedagoga aposentada Ana Alves de Oliveira, que desde criancinha rabisca palavras coerentes com a beleza, somente agora, aos 83 anos de idade, resolve trazer a lume os seus escritos. Ela lança o livro ‘Meus momentos de inspiração’, nesta sexta-feira, às 19h, na Biblioteca Pública ‘Elcy Lacerda’.

Natural de Vigia, no Pará, veio para o Amapá aos 18 anos de idade, com a família, radicando-se em Calçoene, onde o pai tinha comércio. Conseguiu vaga como professora leiga. Depois, formou-se em Pedagogia, na especialidade supervisão, em 1983, pelo Ieta, o então Instituto de Educação do Território Federal do Amapá.

Ana Alves pertenceu à primeira turma de pedagogia do Núcleo de Educação de Macapá, vinculado à Universidade Federal do Pará (UFPA), aposentando-se quando tinha sete décadas de vida. Ela conta que ainda menininha, em Vigia, já escrevia algumas coisas. Sempre ligada aos livros, não podia ver um papel em branco e uma caneta em sua frente, que logo elaborava pensamentos. Mas a determinação de escrever firmemente só começou em 1989, inspirada por uma rosa amarela que ganhara da colega Edinete Barros, durante festa pelo Dia das Mães, na Secretaria de Educação.

Ana conta que chegou em casa com aquela rosa, colocou-a num jarro e toda vez em que passava pela frente do presente de Edinete, extasiava-se com a beleza do vegetal.

Certa vez sentou à frente da rosa, com caneta e papel nas mãos, e descreveu a flor. Daquela descrição aos poucos foi nascendo o poema ‘Rosa Amarela’, que abre o livro Meus momentos de inspiração.

Desde aí não parou mais de escrever. Elaborou tanto material em versos e prosas que ao completar 80 anos quis lançar a obra, mas não deu certo. Mas agora o livro já saiu do prelo, está prontinho da silva, e será lançado em grande momento na Biblioteca Pública.

Ah, a doce Ana Alves de Oliveira paradoxalmente é elétrica nas redes sociais. Nenhum jovenzinho é capaz de teclar tanto um whatsapp como ela que já tem material suficiente para lançar outro livro, o que fará em breve.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo