Ação Governo da Gente leva serviços sociais aos moradores do Macapaba

Para atender a cerca de 15 mil moradores do Conjunto Habitacional Macapaba, o Governo do Amapá deu início, na manhã desta quinta-feira, 8, a mais uma edição do Governo da Gente, ação que oferta vários serviços sociais à população. A previsão é que sejam feitos mais de 12 mil atendimentos, nas áreas administrativas, de saúde e jurídica, até o sábado, 10, quando se encerrará a programação que ocorre na Escola Estadual Prof. Marly Maria e Souza da Silva.

A ação está sendo coordenada pelo Sistema Integrado de Atendimento ao Cidadão (Siac/Super Fácil) e conta com a emissão da 1° e 2° via da carteira de identidade, cartão do Sistema Único de Saúde (SUS), 2° via de Cadastro de Pessoa Física (CPF), além de fotos e xerox.


Segundo o coordenador de Projetos Especiais do Super Fácil, Francisco Oliveira, a ação foi pensada para levar as políticas públicas, providas pelo Estado, para perto da população. “São quase 15 mil pessoas morando aqui e, de certa forma, estão mais distantes de acessar esses serviços básicos. Vimos a necessidade e trouxemos a ação para cá”, frisou o coordenador.


Ações Os atendimentos na área da saúde ocupam uma grande demanda dentro da programação. Para dar conta dos serviços, a Sesa disponibilizou 75 profissionais para fazerem triagem, aplicação de vacina, distribuição de medicamentos, testes rápidos, aferição de pressão arterial e consultas especializadas com pneumologista, geriatra, cardiologista, proctologista, gastrologista infantil, neurologista, oftalmologista, urulogista, pediatra, psicólogo, ginecologista, dentista, fisioterapeuta, otorrinolaringologista, infectologista e clínico geral.

“O usuário precisa passar primeiro pela triagem e, dependendo da situação, é encaminhado para as especialidades que trouxemos até aqui. A estimativa é que cerca de mil moradores, por dia, sejam beneficiados com os serviços”, ressaltou o coordenador de Ações de Saúde, Helidon Góes.

A autônoma Ivanete Pereira, estava precisando se consultar com um médico oftalmologista, mas também aproveitou outras especialidades. “Quando cheguei, fui na triagem e, depois, na consulta oftalmológica. Quando saí de lá, aproveitei para ir com o otorrino para avaliar minha renite. Ele me passou uma medicação e agora está tudo bem”, contou.

Na ação, a Sims está fazendo o pré-cadastro do programa Renda para Viver Melhor e orientando sobre as ocupações dos apartamentos do Conjunto Macapaba. A Sejuv também está presente na ação orientando sobre como fazer o cadastro no Programa Amapá Jovem, que já está na fase de inscrições das atividades formativas. Está sendo feita, ainda, a emissão do ID Jovem, programa que garante acesso a benefícios como meia-entrada em eventos artístico-culturais e esportivos e vagas gratuitas ou com desconto no transporte coletivo interestadual.

A ação também está registrando uma grande procura de atendimentos jurídicos, os quais estão sendo feitos pela Defenap.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo